Olhos que condenam: um dilacerante retrato de injustiça

Hoje maratonei a minissérie original da Netflix “Olhos que condenam” (When they see us). A obra retrata com muita sensibilidade a história de cinco meninos nova-iorquinos e de comunidades periféricas, que foram injustamente acusados de ter cometido um estupro brutal no Central Park. Trisha Meili era uma jovem de 28 anos que estava correndo no …

Cinco lições sobre o luto em Live Forever

Comecei a ler webtoons (uma forma de história em quadrinhos online) ano passado de forma despretenciosa. Um dos que mais me cativou foi Live Forever, de autoria do autor e ilustrador mexicano – que atualmente mora no Japão – Raúl Trevino. Inicialmente, o que mais me atraiu talvez tenha sido o traço lindo de Trevino, …